Take a fresh look at your lifestyle.

Sobre o novo Ministro da Educação

A opinião de Sirlene Aliane

1 329

Ricardo Vélez Rodriguez foi uma excelente indicação para o Ministério da Educação, tem uma excelente formação acadêmica, inclusive uma visão filosófica sobre o mundo e o Brasil, além de muito conhecimento na área da Educação. Ricardo foi meu professor no curso de Mestrado em Educação no Centro de Ensino Superior de Juiz de Fora, além de orientador da minha dissertação que tinha com o título “Limites e Valores em Crianças de 7 a 10 anos”, embasado em vários filósofos clássicos como Matthew Lipman, John Dewey e Kant e educadores como Anísio Teixeira, Paim e Prota, inclusive livros do próprio Ricardo Vélez como “Cidadania: O Que Todo Cidadão Precisa Saber”, entre outros, pois o professor é um grande pesquisador da Cidadania e Violência personificada no mundo.  Destacando que Ricardo Vélez é um colombiano que estuda possibilidades de amenizar a violência, sendo que a Colômbia atualmente atravessa um momento melhor do que no passado, onde era dominada pelas FARC. O estudioso Ricardo enfatiza em relação com o autor inglês Thomas Hobbes a importância de um Estado Forte para o engrandecimento e crescimento do país, ressaltando que a punição aos crimes de sonegação e corrupção seria a solução para inibir crimes de tal cunho no Brasil.

O professor e escritor Ricardo Vélez elaborou o prefácio de meu livro sobre a dissertação de Mestrado “Limites e Valores em Crianças de 7 a 10 anos”, enfatizando a importância de se trabalhar a questão da cidadania desde os mais tenros anos de idade da criança.  Segundo o autor menciona no prefácio: “O valor da dissertação de Sirlene Cristina Aliane consiste justamente em aproximar o rico universo dos valores, do processo educacional concreto, como o desenvolvido por ela na sua escola em Dores de Campos”. (Rodriguez, Ricardo Vélez, 2007, p.14). O educador Ricardo Vélez participou pessoalmente do lançamento do meu livro em 08 de março de 2007.

O professor Ricardo iniciou sua caminhada na educação desde que lecionou em escolas primárias da Colômbia, o que demonstra sua proximidade com a educação, não sendo apenas um técnico, mas um educador filósofo que leciona há mais de 40 anos nas universidades brasileiras e internacionais. Vejo uma grande perspectiva de futuro em um país que atualmente tem um IDEB (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica) baixo, principalmente o do ensino médio. Destaco ainda que os alunos brasileiros obtêm notas baixas no PISA, uma prova internacional que acontece de três em três anos e mede os conhecimentos de Matemática, Português e Ciências. Analiso que o que impede um melhor desempenho seria uma interpretação interdisciplinar dos conhecimentos, o que seria uma relação aproximada entre todas as disciplinas.

 

Dores de Campos, 23 de novembro de 2018.

 

NOTA DA REDAÇÃO: Sirlene Cristina Aliane é Secretária Municipal de Educação de Dores de Campos; Professora de Metodologia do Centro de Estudos Superiores Aprendiz; Professora de Filosofia e Sociologia do Centro Educacional Wanderley Arruda

1 comentário
  1. Bruno Diz

    E as perseguições? Tudo normal?

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.