Take a fresh look at your lifestyle.

Trio armado rende idosos e rouba cerca de R$9 mil em Bias Fortes

2 6.820

Duas casas foram assaltadas por três bandidos, armados com canivetes, na noite de segunda-feira (23), na região central de Bias Fortes. Os assaltantes entraram primeiro em uma casa de uma idosa, de 74 anos, que foi ameaçada pelos bandidos que exigiam  dinheiro. Eles disseram, inclusive, que colocaria fogo na casa da vítima. Com medo, ela entregou R$60 ao bando. Não satisfeitos, os assaltantes invadiram a casa vizinha, do irmão da primeira vítima.  Os dois foram trancados em um quarto.

Os três reviraram todo o imóvel e fugiram levando um celular, R$ 8 mil que estavam guardados dentro de um colchão, e mais R$ 1 mil entregues pela mulher. Até o momento, ninguém foi preso.

2 Comentários
  1. ELIZABETH DE PAULA BARBOSA Diz

    Se esse confinamento não acabar será um caos total. É isso aí que vai ocorrer. Assaltos a residências e saques a supermercados. O vírus não vai morrer. Muito pelo contrário, toda a humanidade vai ser contaminada por ele assim como fomos por outros. O da H1N1 é mais letal que esse. Então está na hora do governo ser sensato e acabar com o confinamento. Pessoas precisam se seu ganha pão pra sustentar sua família e não tendo vai começar os saques. Isso tem que ter um consenso de sabedoria pra saber que uma cidade ou um País quebra totalmente economicamente. Então está na hora disso ser revisto.

  2. João Ramiro de Pinho Grosso Diz

    Bom dia como ex veterano de Guerrilha na ex colônia de Portugal Angola lá tem de tudo um pouco. Como enfermeiro Militar da Embola e Febre amarela eu assisti e tratei agora feito em laboratório e mexer com o mundo inteiro é coisa de Deus nos acuda. As pessoas que não tem de que comer as que precisam de ir e vir para sustentar a sua família é coisa do outro mundo. mais quem vai pagar os impostos das empresas , o salários dos funcionários quem inventou o corno com vírus de via ter muita raiva do mundo ou não sabe viver no mundo de ipocresia e tecnologia. a todos aquele abraço.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.