• 20ºC
    Barbacena, MG Previsão completa
  • Trilha da Gastronomia oferecerá capacitação sobre produtos tradicionais da gastronomia mineira

    O projeto “Trilha da Gastronomia” realizado pela Trilha dos Inconfidentes, que foi viabilizado pela Lei Aldir Blanc e tem o apoio da Secretaria de Estado de Cultura e Turismo de Minas Gerais e do Governo Federal, por meio do Ministério do Turismo / Secretaria Especial da Cultura, vai ocorrer neste mês de dezembro, na região do Campo das Vertentes. O evento terá como foco o resgate de tradições gastronômicas mineiras para potencializar essas riquezas na microrregião e também para impulsionar os municípios como destinos gastronômicos para turistas do mundo todo. 

    Serão 26 municípios da região que terão a oportunidade de conhecer e se capacitar na produção de queijos, doces, cachaça, biscoitos e cerveja, onde cada um será contemplado com duas oficinas, totalizando, então, 52 oficinas, com duração de, em média, 4h a 5h. O evento, que também envolverá outras atividades além das oficinas, será realizado entre os dias 9 e 17 de dezembro e contará com um público de 624 pessoas.

    Sem fins lucrativos, a Trilha dos Inconfidentes busca impulsionar o desenvolvimento da cultura e do turismo sustentável na região através de articulação dos atores governamentais, empresariais, sociedade civil e da gestão de projetos e estruturação e promoção do destino.

    Marcus Januário é o gestor da organização e afirma que o evento irá melhorar o turismo gastronômico, estimulando o desenvolvimento do empreendedorismo na região. Além disso, declara que a toda a região tem potencial para usufruir do turismo, uma vez que a gastronomia, em conjunto com as belezas naturais, são os principais atrativos para turistas que visitam a região. “É um resgate histórico mesmo da nossa origem gastronômica. O objetivo é proporcionar às pessoas uma valorização dos nossos principais produtos da região, e mostrar que, com esses produtos, podemos fomentar a economia, incentivar o empreendedorismo, gerar emprego e renda, e deixar a nossa região mais preparada para receber mais turistas”, acrescenta.

    O gestor finalizou com a declaração de que região ainda terá novidades através do projeto, que em 2022, terá como foco principal o investimento em qualificação, promoção e comercialização dos produtos da região, destacando os locais e fazendo com que a região seja feita de vitrine e seja vista com um diferencial. 

     

    As oficinas serão ministradas por especialistas:

    – Marciel Morais, produtor de queijo minas artesanal em Prados, que vai ministrar a oficina de queijo minas artesanal; 

    – Maria Auxiliadora Abreu, produtora de biscoitos em São Tiago; Gláucia Silva, que produz doces em  Alfredo Vasconcelos; 

    – Cláudio da Silva, Márcia Ferreira e Rodrigo da Silva, produtores da cachaça Velho Ferreiro, no Bichinho, distrito de Prados; 

    – Mateus Silva, que produz cerveja artesanal em São João Del Rei.

    Comunique ao Portal Barbacena Online equívocos de redação, de informação ou técnicos encontrados nesta página clicando no botão abaixo:

    Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento. Aceitar Saiba Mais