Take a fresh look at your lifestyle.

Soldados da Epcar recebem qualificação pelo SENAI em Barbacena

0 1.424

Aconteceu no dia 24 de setembro a aula inaugural do Curso de Qualificação Profissional em Instalador Hidráulico realizado pelo SENAI Barbacena. A formação é destinada a 20 soldados da Guarnição de Aeronáutica de Barbacena (GUARNAE-BQ) e conta com o apoio do Projeto Soldado Cidadão 2019, que tem como proposta oferecer qualificação técnica profissional militares que prestam serviço inicial e aos cabos e soldados que realizam o serviço voluntário.

De acordo com o soldado Guilherme Gabriel da Silva Campos, a qualificação oferecida pela Força Aérea Brasileira (FAB) é de extrema importância. “O curso está significando um novo aprendizado que vou levar para a vida, é uma profissão muito requisitada na área civil“, ele comentaQuero me aprofundar mais e, quem sabe no futuro, trabalhar como instalador hidráulico”.

Na abertura do evento estiveram presentes o Chefe do Grupamento de Apoio de Barbacena (GAP-BQ), o Coronel Intendente Ronald José Pinto e o gerente da unidade SESI/SENAI Barbacena, César Alexandre Nunes Ferreira. A aula contou, ainda, com a presença da comissão executora do projeto, a equipe técnica do SESI/SENAI e o encarregado geral da Divisão de Serviços Gerais do GAP-BQ, Capitão José Bernardo Lopes Duarte.

Supervisora Pedagógica do SENAI, Maria Augusta da Conceição, conduziu a aula junto ao instrutor de formação profissional, Cláudio Casemiro Nogueira. Ambos reforçaram a importância da qualificação profissional para o mercado de trabalho e as possibilidades geradas pelo curso no aprimoramento profissional dos militares. 

O Projeto Soldado Cidadão – Funcionando desde 2004 em todo território nacional, o Projeto Soldado Cidadão é uma iniciativa do Governo Federal por meio do Ministério da Defesa que já beneficiou 240 mil jovens nas Forças Armadas. O plano de gestão 2019 do Comando-Geral do Pessoal da Aeronáutica (COMGEP) contemplou vagas para GUARNAE-BQ, ficando a cargo do Serviço Social do GAP-BQ (SESO) integrar a comissão executora.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.