• 21ºC
    Barbacena, MG Previsão completa
  • Senac Grogotó: Dívida de quase R$20 milhões. Outros R$30 milhões seriam necessários para restabelecer atendimento de qualidade

    O presidente da Câmara, vereador Amarílio Andrade, esteve em Belo Horizonte para uma reunião com a diretora do Senac Minas, Elaine Dias. O edil entregou a cópia de um Memorial, assinado por todos os vereadores, demostrando preocupação com o possível fechamento da Unidade Escola do Senac em Barbacena. O documento foi encaminhado também aos senadores mineiros e para autoridades federais e estaduais. “Sabemos que as dificuldades são enormes. Que a dívida é muito grande, infelizmente. Mas, estamos buscando todas as alternativas possíveis e impossíveis para que seja mantido o Hotel Grogotó funcionando em Barbacena. Para isso, levamos até a Diretora do Senac Minas, Elaine Dias, as nossas ponderações, que são também da Câmara Municipal e do Povo de Barbacena, na expectativa de que medidas venham a ser tomadas para que não ocorra o pior, que seria o fechamento do Hotel”.

    A diretora demonstrou que a dívida do Hotel é grande, resultado de anos de prejuízo. Segundo ela, a unidade precisaria de R$50 milhões para pagar dívidas que chegam a quase T$20 milhões. Os outros R$30 milhões seria para colocar o Hotel novamente em condições de atendimento de qualidade. Porém, esse valor é quase o orçamento anual do Senac para todo o Estado que é de R$ 56 milhões. A ideia inicial é vender a unidade até o dia 30 de junho, data limite para que ele fique aberto.

    Ficou acertada a vinda dos Diretores do Senac à Barbacena para detalhamento da situação do Hotel e o que pode ser feito para que não ocorra o seu fechamento, na primeira semana do mês de março. O jornalista barbacenense João Carlos Amaral também participou do encontro.

    LEIA TAMBÉM:

    https://barbacenaonline.com.br/hotel-escola-senac-grogoto-pode-encerrar-atividades-em-junho-de-2020