Take a fresh look at your lifestyle.

Semana da Consciência Negra do Museu Regional de São João del-Rei começa na segunda-feira

0 282

O Museu Regional de São João del-Rei, em parceria com outras instituições, promove entre os dias 18 e 23 de novembro a Semana da Consciência Negra. Serão, ao todo, seis dias de atividades temáticas como exposição, sarau, Cine Museu temático e oficinas. Esse é um período importante e tradicional para o museu, que busca incentivar a reflexão sobre a importância do povo e da cultura afro-brasileira para a sociedade como um todo. 

No primeiro dia, às 10h, artista Maria de Fátima Loureiro Vasconcelos inaugura a semana com a exposição “SOMOS NÓS – Documentos Retratados”. Ela irá participar de uma roda de conversa em seguidaSua exposição foi inspirada em fontes históricas como registros de batismos, casamentos da Paróquia de Nossa Senhora do Pilar de São João del-Rei, fotografias, desenhos e jornais antigos. As obras expressam o incômodo da artista com a cicatriz causada pela escravidão no mundo, convidando à reflexão sobre a nossa responsabilidade com o passado e as suas consequências sociais no presente. exposição fica aberta até o dia 01 de dezembro.
Na terça-feira (19)às 15h, as artistas Lariella e Jéssica Lemos promovem udebate sobre a trajetória de mulheres negras na arte. Já no terceiro dia da semana, também às 15h, o público poderá apresentar textos, poemas e músicas com temática de valorização à cultura e à história dos povos negros no Brasil durante um sarau aberto.

Tudo isso sem falar no tradicional programa “Cine Museu”, que terá edição especial com debate baseado no filme “Bem-vindo a Marly-Gomont”, que retrata a trajetória do médico SeyoloZantoko, ao sair do Congo para trabalhar na França no ano de 1975. A exibição ocorre no auditório do museu, às 14h30, na quinta-feira (21).

Unindo a música à poesia para tratar do racismo, Jackson Guedes promove uma oficina no penúltimo dia da semana (22), às 10h. E para encerrar as atividades, a fotógrafa Beatriz Domingues e a antropóloga Gláucia Buratto realizam uma exibição de fotografias e histórias capturadas em trabalhos com comunidades quilombolas. A projeção será realizada no sábado (23), às 16h.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.