Take a fresh look at your lifestyle.

Polícia investiga suposta venda de recém-nascido em Barbacena

Casal do interior de São Paulo estaria envolvido

0 62

A Polícia de Barbacena investiga um caso de suposta negociação e venda de recém-nascido. O caso ocorreu na tarde desta segunda-feira (23) quando um homem e duas mulheres foram a um cartório de Registro Civil de Pessoas Naturais de Barbacena para registrar o nascimento de uma criança. Funcionários do Cartório ficaram em dúvida sobre as informações então prestadas pelo homem e resolveram chamar o comissariado de menores da Comarca de Barbacena. Durante a conversa com o homem, ele afirmou que iria “ajudar a mãe” realizando o registro como pai da criança. Ele negou que estaria oferecendo dinheiro à mãe. Já a versão da mãe, ainda internada no Hospital, foi de que o homem iria enviar dinheiro posteriormente para que ela fosse a São Paulo, visitar a filha. O registro dos pais seria feito pelo homem vindo de São Paulo e a verdadeira mãe.

Os Policiais Militares deram voz de prisão ao homem, que foi levado para a Delegacia de Polícia. Já a mãe, por estar internada, em recuperação pós-parto, não foi liberada pela equipe médica para ser levada à Delegacia. As duas mulheres, que estavam acompanhando o homem durante o registro também foram levadas para a Delegacia para esclarecimentos. Uma delas seria companheira do homem que estava realizando o registro. O caso vai ser apurado pela Polícia Civil com a abertura de um inquérito policial.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.