Padre Nivaldo, de Barbacena, nomeado bispo auxiliar pelo Papa Francisco

No dia 23 de dezembro o Papa Francisco nomeou o Padre Nivaldo dos Santos Ferreira como bispo titular da Tiava e auxiliar da arquidiocese de Belo Horizonte. Atualmente Padre Nivaldo é reitor do Santuário Arquidiocesano São Judas Tadeu, também na capital mineira.

Natural de Barbacena, da comunidade do Faria, entrou no Seminário Menor de Nossa Senhora da Assunção, da Arquidiocese de Mariana, aos 13 anos e, após o falecimento de seu pai, permaneceu por mais um ano, voltando em 1981 para o convívio familiar.

Já no ano de 1984, o Padre entrou para o Seminário Menor de Congregação dos Padres Orionitas, em Belo Horizonte, onde concluiu o ensino médio e após, deu início ao noviciado. Em 1987, resolveu sair da congregação.

Ingressou na primeira turma da etapa do Propedêutico da arquidiocese de Belo Horizonte no ano seguinte. Também estudou Filosofia e Teologia na Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais – PUC Minas. Em 1995, ele foi ordenado diácono na Paróquia Santo Antônio e ordenado presbítero em 1996, na paróquia São Sebastião do Barro Preto, localizada também na capital mineira. Nivaldo já ordenado, iniciou seu mestrado na Faculdade Jesuíta e, em 2001, mudou-se para Roma, onde concluiu seu mestrado em Teologia Fundamental na PUC Gregoriana.

Após sua nomeação, o Padre está em Barbacena e já celebrou a primeira missa na Comunidade da Família, no Faria, onde nasceu e morou. Além disso, várias missas estão sendo ministradas por ele e a previsão é de que nesta quinta-feira (18) celebrará a santa missa, às 19h, na Paróquia Nossa Senhora da Assunção, na Boa Morte. 

Os próximos planos do Bispo Auxiliar são continuar servindo como bispo na arquidiocese de Belo Horizonte e nas outras cinco regiões episcopais de Nossa Senhora da Aparecida. São elas: grande parte da Cidade Industrial e do Barreiro em Belo Horizonte, Contagem, Betim, Esmeraldas e Sarzedos.