• 14ºC
    Barbacena, MG Previsão completa
  • O que impede a construção da sociedade perfeita?

    Estamos em constante busca por uma sociedade perfeita, onde todos tenham oportunidades e possam ser quem desejam ser. Ao menos é o discurso de todos, mas, por que então nunca conseguimos atingir essa perfeição? 

    Não atingimos essa perfeição, porque tudo depende de muito debate, de muita conversa. E sempre aparece uma figura que joga tudo que já foi decidido no chão; aparece o EGO. Essa figura sempre nos atrapalhou a evoluir como sociedade. Por mais que no discurso as falas sejam de oportunidades iguais a todos, no interno, debaixo dos panos, nas portas fechadas, ainda tem muito a questão do “pra mim” e o “se lembre de quem está te ajudando”.

    O ego é o grande culpado de ainda sermos uma sociedade onde nos mantemos separados, inclusive nas lutas. Se você, leitor, prestar a atenção, nós não conseguimos nem nos entender frente a uma disputa de classes, isso porque muitas das vezes, por não pertencermos àquela classe, dizemos que a luta não é justa ou que estes querem apenas benefícios.

    É necessário nos vermos como um conjunto que constrói a sociedade e não apenas como seres únicos que necessitam de evolução. Neste contexto, todos devemos respeitar os direitos alheios e lutar para que todos possam ser atendidos e respeitados. Não posso apenas querer que eu tenha o respeito dos  outros, é preciso que eu também respeite. 

    NOTA DA REDAÇÃO – Gilmar Rodrigues é formado em Gestão de Recursos Humanos, Life Coach e Pratitioner em PNL, é graduando em Direito, Pós graduando em Ciências Politicas. Coautor do Livro “Clube dos Literatos e a Coletânea Fantástica”. Contato: Instagram @gilmarrodriguesoficial

    Comunique ao Portal Barbacena Online equívocos de redação, de informação ou técnicos encontrados nesta página clicando no botão abaixo:

    Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento. Aceitar Saiba Mais