Take a fresh look at your lifestyle.

Mais de cem incêndios em residências foram registrados somente este ano

Números preocupam o Corpo de Bombeiros

0 144

Somente de janeiro a outubro a a 2ª Cia de Bombeiros, que integra os municípios de Barbacena, São João del-Rei e Conselheiro Lafaiete Congonhas, registrou 101 ocorrências de incêndios em residências. Segundo o Centro Integrado de Defesa Social (CINDS), que efetua o controle da quantidade e tipo de ocorrências atendidas por todos os órgãos de Segurança Pública do Estado de Minas Gerais, foram registrados 101 incêndios em residências, 7 incêndios em apartamentos, 19 incêndios em estabelecimentos comerciais, além de 33 ocorrência de vazamento de gás de cozinha.

De acordo com o Tenente Jaime Tomaz, Assessor de Comunicação da Unidade, os números aumentaram em toda região. “São números que nos preocupam onde na maioria das vezes têm como causa a falta de atenção, prevenção, e cuidados dos moradores para itens básicos como; velas esquecidas acesas, sobre -cargas de tomadas, curto-circuito, crianças brincando com fogo etc”, explicou.

Nessas ocorrências foram registradas as mortes de cinco pessoas. O caso mais grave foi registrado em agosto, com um incêndio em Carandaí com três vítimas fatais; em julho foi registrada uma morte no bairro São Sebastião em Barbacena e em setembro houve uma morte em Conselheiro Lafaiete no bairro São João. “A atenção e a adoção de medidas preventivas pelos moradores é importante para que possamos ver esses números reduzidos. Não obstante continuamos adotando medidas preventivas, visitando os moradores, exercendo mensalmente as atividades chamadas de “Alerta Vermelho” onde orientamos os comerciantes e funcionários e temos a plena convicção que somente com adoção dessas medidas conseguiremos reduzir esses números pois um incêndio acontece onde a prevenção falha” disse o Tenente Tomaz.

DICAS PREVENTIVAS

– em casa tenha cuidado ao deixar velas acesas;
– deixe-as em local isolado longe de móveis roupas e papéis que facilitam a combustão;
– não permita cortinas compridas ou tapetes sobre os fios elétricos nem os passe atrás de móveis;
– não esqueça ferro de passar roupa ligado;
– evite vazamentos de gás de cozinha verifique-os usando espuma de sabão e nunca o fogo;
– produtos químicos e inflamáveis devem ser mantidos em recipientes apropriados bem fechados e longe do alcance de crianças;
– ao acender a lareira ou a churrasqueira não use líquidos inflamáveis como álcool solvente e outros, de preferência use álcool gel;
– Se possível coloque seu botijão de gás fora de casa obedecendo as orientações do fabricante para sua instalação;
– lembre-se de fechar o registro do gás quando for dormir ou não estiver usando;
– ao chegar em casa se sentir cheiro de gás não acende a luz pois isso pode ocasionar a explosão;
– nunca ponha papel alumínio ou metal dentro do forno de micro-ondas;
– não fume na cama ou quando estiver com sono;

NO ESCRITÓRIO OU COMÉRCIO

– não sobrecarregue os circuitos elétricos;
– Desligue todo equipamento elétrico da tomada;
– ao término do expediente não permita, que fios elétricos cruzem a passagem pois ao serem pisados terão a capa protetora comprometida;
– Equipamentos elétricos aquecidos indicam problemas chame um eletricista ou zelador;
– não deixe lâmpadas acesas encostada em papéis nem próximas a ele;
– verifique se o conteúdo dos cinzeiros estão apagados, antes de esvaziá-los nos restos de lixo;
– evite sobrecarregar a fiação elétrica ligando vários aparelhos em uma só tomada;
– não faça nem autorize que se façam instalações elétricas provisórias “gambiarras”;
– não armazenar amostra de produtos químicos solventes etc;
– mantenha os arquivos das prateleiras fechadas.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.