Homem condenado a mais de 14 anos por tentativa tripla de homicídio

Mesmo sem a presença do réu, aconteceu nesta quarta-feira (21) o julgamento de José Otávio Augusto (49), no Salão do Júri da Comarca de Barbacena. Sob a presidência do Juiz de Direito José Carlos dos Santos, a acusação foi feita pelo Promotor de Justiça Luiz Fernando Câmara e a defesa conta com dois advogados, Victor Campos e Rafael Bertolusci. O julgamento durou pouco mais de dez horas.

CONDENAÇÃO – José Otávio foi condenado a 14 anos e três meses de prisão, em regime fechado, além de oito meses de reclusão, em regime aberto. A Defesa arguiu a tese de desclassificação de tentativa de homicídio para lesão corporal, mas o corpo de jurados não entendeu dessa forma.

O CRIME – Na tarde do dia 13 de julho de 2019, no bairro João Paulo II, em Barbacena, houve uma tentativa tripla de homicídio. O caso vai a julgamento nesta quarta-feira (21), no Salão do Júri, na Comarca de Barbacena. Segundo a denúncia do Ministério Público, José Otávio Augusto (atualmente com 49 anos) mantinha um relacionamento com E. do E. S que já durava três anos. Porém, o relacionamento era bastante conturbado, com brigas e agressões. No dia da tentativa de homicídio, José Otávio chegou em casa com sinais de embriaguez e o casal começou a discutir. Para evitar mais desgastes, a vítima foi para a casa do pai, nos fundos, mas José Otávio subiu na laje e gritou pela companheira. Fugindo, a vítima foi perseguida na rua pelo réu, que portava um facão. A mulher conseguiu se abrigar na casa do ex-companheiro E. L. G., mas a confusão continuou, com ameaças de morte e invasão da casa. Houve uma luta corporal entre José Otávio e E. L. G., que foi atingido por um golpe de facão no braço esquerdo.

Antes de entrar na casa, José Otávio agrediu a esposa de de E. L. G. e conseguiu alcançar sua companheira, E. do E. S., que foi golpeada com o facão no braço e na mão. A mulher conseguiu fugir, mesmo com os ferimentos.

⚠️ A reprodução de conteúdo produzido pelo Portal Barbacena Online é vedada a outros veículos de comunicação sem a expressa autorização. 

Comunique ao Portal Barbacena Online equívocos de redação, de informação ou técnicos encontrados nesta página clicando no botão abaixo:

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento. Aceitar Saiba Mais