• 23ºC
    Barbacena, MG Previsão completa
  • Golpes são registrados em Barbacena. Suspeitos se passam por funcionários de Banco para praticar estelionato

    Foram aplicados em nossa região nos últimos dias um golpe no qual a vítima recebe uma ligação do banco informando que teve o cartão clonado e que um funcionário comparecerá na residência para recolher o cartão e trocá-lo por outro. Trata-se de golpe.

    Não forneçam informações por telefone ou entreguem o cartão a ninguém. Nenhum banco opera desta maneira.

    Os autores estão bem vestidos, trajando roupa social.

    Terça-Feira

    Na tarde de terça-feira (19), uma senhora de 71 anos procurou a Polícia Militar informando que foi vítima de um golpe no Bairro São José. Ela recebeu a ligação de um homem falando que a vítima fez uma compra no valor de R$ 1.399,77 por volta de 11h30. Ela alegou que não fez nenhuma compra e foi orientada a ligar para um 0800. Ela ligou para o número e um homem atendeu dizendo que cancelaria seus cartões. Logo depois de encerrar a ligação, um suposto funcionário do banco apareceu em sua residência para recolher seu cartão. A solicitante entregou o cartão e a senha. Depois, a mulher descobriu que foram feitos saques e compras no cartão. Assim que percebeu ser um golpe, ela procurou o banco e solicitou o bloqueio do cartão e foi para a unidade de Polícia Militar.

    Mais casos

    Também na tarde desta terça-feira (19), uma mulher de 59 anos procurou a PM relatando que recebeu um telefonema de um homem alegando ser do serviço de segurança dos cartões de um banco informando que havia sido feita uma compra no valor de R$ 2.850,00. Em seguida, ela recebeu outra ligação falando sobre uma outra compra no valor de R$ 3.621,00 na cidade de Jundiaí. O homem disse que a vítima deveria ligar para um 0800 para avisar sobre a possível clonagem do cartão.

    Ela ligou para o número dado, mas não conseguiu completar a ligação. A mulher recebeu nova ligação e os autores começaram a solicitar dados pessoais da vítima e a senha do cartão. Nesse momento, ela percebeu se tratar de um golpe e desligou a ligação procurando a Polícia em seguida onde foi orientada em relação às providências que deveria tomar.