Take a fresh look at your lifestyle.

Estão abertas as inscrições para a 8ª edição da FECIB

0 206

A 8ª edição da Feira de Ciências de Barbacena (FECIB) está com inscrições abertas. Professores e alunos das escolas de educação básica do município poderão inscrever trabalhos de cunho científico, tecnológico e cultural para serem expostos durante a feira. As inscrições vão até o dia 8 de maio pelo site barbacena.ifsudestemg.edu.br. Os trabalhos serão selecionados por uma comissão científica formada por professores do campus Barbacena, de acordo com as normas do edital, já publicado no site. Todos os expositores receberão certificado. O tema da 8ª FECIB é livre e tem como objetivo valorizar a amplitude do conhecimento e a interconexão de áreas diferentes.

Em entrevista ao programa Contato Direto, da Rádio Sucesso FM, a professora e coordenadora da feira, Adalgisa Reis Mesquita destacou o sucesso da FECIB em seus anos anteriores e sua importância na vida acadêmica dos alunos. Ela conta que o crescimento do evento foi visível, uma vez que em suas primeiras edições, eles tinham uma meta de 40 trabalhos e que era difícil alcançar esse número e que nos últimos anos o número de inscrições foi elevado, sendo necessário deixar alguns trabalhos de fora por falta de espaço. Adalgisa revela que a evolução também aconteceu em relação aos trabalhos, que estão cada vez melhores e mais elaborados, com projetos de pesquisa bem interessantes. “O crescimento foi visível, na primeira FECIB a gente tinha um número que a gente tinha que alcançar 40 projetos e foi difícil. Hoje a gente tem o limite de 70 projetos e a gente sempre tem inscrições acima deste número. Houve o crescimento tanto dos trabalhos, alunos, quanto do envolvimento dos professores, e também das escolas. A gente teve depoimento de diretores que não faziam pesquisa antes de participar da FECIB, que depois que participaram os alunos se envolveram e ficaram mais interessados. Escolas que vão apenas visitar retornam no ano seguinte querendo participar e o objetivo é exatamente esse, divulgar a ciência e a tecnologia”, assinala a professora.

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.