Take a fresh look at your lifestyle.

Deixar-se preencher

A crônica de Débora Ireno Dias

0 184

Durante a semana, ficaram se indagando se deveriam ou não ir ao encontro. Mesmo estando na coordenação, sendo responsáveis por grande parte do evento, o coração e os sentimentos estavam tão vazios que não se achavam com vontade de ir, preparados para se doar, inteiros para auxiliar. 

Arrumando as malas, separando as roupas e materiais, olhavam-se e não se viam preparados. Viam-se soterrados na própria dor e nas incertezas dos dias vividos. Por que a dor, de novo, num mesmo momento? Por que não ter sucesso naquilo que lhes é mais caro ao coração? Por que tamanha provação? Indagando-se sobre ir ou não, se viram responsáveis diante de tantos que lá os esperavam. E foram. 

Ao chegar, abraços e sorrisos os acolheram e já deram o tom do que seria o final de semana. Caloroso para o corpo e a alma. Na correria das escadarias, na refeição temperada com amor, na dança orante, na adoração silenciosa, ainda não se sentiam preparados para encontrá-Lo. Mas a todo o momento, alguém O trazia. Eles foram ali para auxiliar, mas começaram a se ver auxiliados para saírem daquele soterramento em que estavam. 

As palavras foram passando, os abraços foram acalentando, os sorrisos foram alimentando. A partilha sobre a dor vivida e o sentimento sofrido pela perda, foram acolhidos por corações atentos e olhares que transbordavam lágrimas e amor.

As lágrimas ao longo do dia foram se transformando de dor para cura, de desabafo para testemunho. O olhar vazio e a alma cinza foram tomando novo brilho, nova cor. Ambos se abraçavam num laço apertado por todos que ali os acolhiam em seus abraços e sorrisos, e olhares atentos a uma história que ainda não teve o final feliz, mas que já se faz feliz pela superação de cada dia. 

O que viverão pela frente ainda é incerto. Mas a Rosa ali colhida, junto aos pés do Mestre Amado e de sua Mãe, certamente, irá florescer num terreno mais fértil, banhado de um amor renovado, revigorado e transformado. Fortalecidos para avançar para águas mais profundas. 

#ejcporamor

#viverosTeusplanos

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.