• 13ºC
    Barbacena, MG Previsão completa
  • De olho: Prefeitura proíbe festas de qualquer natureza durante o “carnaval”

    Em tempos de pandemia, onde nos acostumamos com o “novo normal”, até a festa mais esperada pelo brasileiro se adaptou à realidade da Covid-19. As festas de carnaval e a descontração da folia ficarão restritas às lembranças. Em Barbacena o funcionalismo público teve o ponto facultativo suspenso e o mesmo aconteceu com o comércio.

    Um decreto municipal, publicado nesta sexta-feira (12), proíbe qualquer tipo de festividade no município nas ruas, praças e outros logradouros. A medida inclui, também, o uso de equipamentos, instrumentos e veículos de sonorização acústica, mecânica ou eletrônica e estes serão apreendidos pelos agentes de fiscalização municipais ou pela Polícia Militar do Estado de Minas Gerais.

    Até o dia 17 de fevereiro todos os estabelecimentos comerciais, industriais e de serviços, ainda que inclusos na “onda Amarela” do Plano Minas Consciente, deverão seguir as regras da Onda Vermelha, incluindo bares e restaurantes que terão seu horário de funcionamento reduzido até às 21h. As apresentações artísticas estão vedadas durante o período em todos os lugares, exceto as de formato “live”. O mesmo horário de funcionamento deverá ser adotado pelas lojas de conveniência.

    O proprietário que, porventura, fomentar ou permitir aglomerações dentro do estabelecimento será responsabilizado, além de ter seu alvará de localização e funcionamento suspenso.

    Quem estiver pensando em realizar algum tipo de evento particular deve ficar atento. O decreto também proíbe a realização de eventos e festas em espaços privados, locados ou não, com ou sem fins lucrativos, inclusive sítios, chácaras e similares, clubes, academias, centros de compras, estacionamentos e locais congêneres, independentemente do número de frequentadores.