Take a fresh look at your lifestyle.

Cruzeiro a um passo da final

O esporte com Júlio Tadeu

0 78

Pelo 5º Jogo do playoff semifinal, o Sada/Cruzeiro decide hoje contra o Taubaté, em Contagem, quem enfrentará o Sesi- SP nas finais da Superliga masculina de Vôlei. Os mineiros perdiam a série por 2 x 0, mas conseguiram empatar e decidem hoje quem passa.

O Cruzeiro voltou a jogar bem e as chances nesse quinto jogo da série, em casa, são enormes.

Pela Superliga feminina o Praia Clube de Uberlândia enfrenta o Sesc- RJ, no Sabiazinho, no Triângulo Mineiro, precisando vencer para levar o jogo para o Super set. Essa fórmula é nova na Superliga, e se acontecer, será pura emoção. Para o Sesc-RJ a vitória por qualquer placar dá o 13º título a equipe de Bernardinho, pois venceu a primeira partida no Rio, por 3 x 1.

Drussyla pelo Rio e Fernanda Garay pelo Praia, duas jogadoras fantásticas, prometem um duelo a parte neste jogão do próximo domingo. Vale conferir.

MINEIROS TÊM PARADA DURA NO BRASILEIRÃO

O Campeonato Brasileiro é só pedreira e pra não fugir do costume a segunda rodada não vai ser diferente. O Cruzeiro, no Maraca, pega o Fluminense que busca a recuperação pela derrota para o Corinthians. O Histórico do confronto é de muito equilíbrio – 23 x 22 a favor do Cruzeiro, que vem de resultados ruins. No Independência o Galo pega o Vitória, embalado por ter eliminado o Inter pela Copa do Brasil. O Atlético muito pressionado pelas más atuações busca uma formação ideal, a regularidade nas partidas, e vitórias.

O América, o único dos mineiros a vencer na primeira rodada, terá um compromisso difícil no Rio contra o Flamengo, no sábado. A equipe carioca, que vem de empate na Libertadores, em casa, vê no Coelho a chance de se reabilitar.

Os muitos erros de arbitragem na primeira rodada preocupam, principalmente os mineiros que já foram várias vezes prejudicados principalmente em jogos contra cariocas e paulistas. É bom se prevenir.

NOTA DA REDAÇÃO: Júlio Tadeu Antunes Valério é formado em Educação Física pela UFV – Universidade Federal de Viçosa; Técnico da seleção mineira masculina de Vôlei de Praia desde 2013; Três vezes Campeão Brasileiro pela seleção Mineira de quadra e uma vez no Vôlei de Praia. Sete vezes Campeão dos JOGOS DO INTERIOR DE MG; quatro vezes Campeão dos JOGOS ESCOLARES DE MG; Cinco vezes Campeão da NAE; mais de dez títulos de campeão estadual em Minas Gerais; REVELOU duas atletas medalhistas Olímpicas e Paralímpicas (Sassá, OURO em PEQUIM, JANAÍNA, Bronze no RIO 2016); Conduziu a TOCHA OL

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.