Take a fresh look at your lifestyle.

Centro de amparo a autistas e familiares será inaugurado em Barbacena

A inauguração do espaço acontece no dia 12/07, com uma palestra

1 1.788

A partir do dia 12 julho Barbacena passa a contar com a Associação de Amparo aos Autistas e seus Familiares (AMA), trata-se de um centro de apoio com tratamentos, apoio jurídico e de assistência social. A advogada e presidente da AMA, Greici Cimino, destacou que a associação que será o primeiro centro de apoio na cidade.

Greici, que é também mãe de uma criança autista, relata que a vontade de trazer este projeto para a cidade veio a partir da própria experiência de vida, pela necessidade de amparo que sentiu ao receber o diagnóstico.

No local os pacientes receberão auxílio nos tratamentos de fonoaudiologia, psicologia, fisioterapia, terapia ocupacional, além do apoio jurídico e social. Para ser associado é necessário procurar a AMA, a partir do dia 12, de 8h às 20h, e realizar a inscrição. Haverá uma pré-seleção onde será estudado qual tipo de apoio o associado necessita, para, assim que for identificado, possa ser encaminhado imediatamente para o tratamento. Além da interação social, acompanhada dos técnicos, de forma lúdica, para amenizar a dificuldade que o autista tem de socializar.

O espaço será inaugurado na Avenida Pereira Teixeira, 172, onde haverá vários ambientes de acolhimento, tratamento e aberto a todos que queiram trabalhar com o autista. No dia 12, haverá inauguração oficial, no auditório do prédio municipal, na Praça Conde Prados, e abertura do espaço, às 16h.

NOTA DA REDAÇÃO: A inauguração do espaço foi adiado para 18 de julho, segundo nota da AMA, “por problemas técnicos”. A palestra foi remarcada para 17 de julho, mantendo o horário e o local.

PROJETO INSTITUI A CIA – Foi sancionada pelo Executivo Municipal a Lei Nº 4.882 que institui a Carteira de Identificação do Autista (CIA).  O texto destaca que a pessoa diagnosticada com Transtorno do Espectro de Autista (TEA) é legalmente considerada pessoa com deficiência para todos os efeitos, com direito à assistência social.

O documento deverá ser expedido, sem qualquer custo, por meio de requerimento pelo competente órgão municipal. Parágrafo único. A Carteira de Identificação do Autista (CIA) terá validade de 03 (três) anos. A Lei foi divulgada no Diário Oficial do dia 13 de junho e tem 60 dias para entrar em vigor. A proposta foi apresentada pelo vereador Edson Rezende.

1 comentário
  1. Rafaella Diz

    Fico muito feliz em ver a sociedade e demais profissionais da saúde se mobilizarem para fundar um centro de Apoio a Pessoas Portadoras do Transtorno do Espectro Autista, muito sucesso e que muitos possam ser beneficiados. Porém em Barbacena já a alguns anos a Apae de Barbacena conta tb com um setor especializado para o atendimento desses pacientes, com profissionais altamente qualificados, dando suporte técnico ( com profissionais de saúde) e tb de assistência social! Inclusive no ano passado foi realizada uma reportagem pela Tv Integração, mostrando o trabalho que é desenvolvido na referida e conceituada instituição! Existe uma parcela crescente da população que necessita desse apoio, que bom que poderemos contar com mais um espaço!

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.