Take a fresh look at your lifestyle.
Navegando pela Categoria

Crônica

Sobre quilômetros percorridos e a vida

O dia começou ainda escuro. Clima ameno na Cidade Maravilhosa, contrastando com a tensão que pairava no ar, despistada pelos sorrisos nervosos, acenos e “selfies”. O café rápido, suficiente para ajudar a despertar o corpo e a alma. O ônibus…

Amor, substantivo comum ou raro?

"Amo como ama o amor. Não conheço nenhuma outra razão para amar senão amar. Que queres que te diga, além de que te amo, se o que quero dizer-te é que te amo?"(Fernando Pessoa).Amor- estão vulgarizando-o e culpando-o por…

A mala esquecida

O final de semana prometia algumas novidades. Saiu de sua cidade já à noite, van alugada, junto com os amigos de Caminhada, rumo a Barbacena para viver uma experiência de fé, de vida, de novas amizades. Chegou numa noite fria, foi acolhido…

Qual é a música de sua vida?

Hum! Que bela recordação essa canção me traz! Ouvindo-a ouço, revivo momento inesquecíveis! É como se tudo acontecesse novamente. Ela se eternizou. A música possui a magia de nos emocionar pela sua letra e melodia e por que não pelo…

Entre bolos, sabores e lições

O ato de cozinhar aflorou em mim após o casamento, quando me vi dona daquele espaço onde, antes, eu só entrava para saborear as delícias feitas pela Mamãe. Casamento, refeições, tampas e panelas, cozinha própria, responsabilidade assumida.…

Dialogando com a morte

- Santana, estou muito chateado e revoltado com a morte.- Com a morte? O que ela lhe fez para você ficar tão desapontado assim?- Embora você tenha me dito que “A morte é um tema evitado, ignorado e negado por nossa sociedade, o…

Coroações de maio

Vestir a roupa de frio. Por o vestido rodado, feito em cetim e bordado com miçangas e paetês e flores, tudo produzido com esmero pelas mãos da Mamãe. Prender o cabelo longo para a coroa ficar firme e por as asas! Ah, estas eram uma atração…

Saudosismo

Eu sou um saudosista confesso, às vezes muito chato. Para fazer jus a essa virtude ou vício vou rememorar alguns fatos testemunhados quando servia ao Exército Brasileiro. O trem que nos levava de Barbacena chegou à estação de Juiz de Fora…

Semáforos e sinais

“Moça, me compra uma paçoca?”  Todo dia, ao parar no semáforo, escuto algo assim. São paçocas, balas, livrinhos infantis, cenas circenses ou apenas um “me dá um trocado”. Uma tentativa de venda ou um pedido de dinheiro em busca de uma…

O que vou ser quando crescer?

Francisquinho: Quando eu crescer, quero ser a cura?- Cura?- Sim! Quero combater e ensinar a população a se livrar do mosquito Aedes aegypti causador das doenças como: dengue, chikungunya, zica e febre amarela. Pedirei a Deus que…