Take a fresh look at your lifestyle.

Câmara aprova CPI e nomeia vereadores para apurar irregularidades

0 1.199

A Câmara Municipal instaurou uma Comissão Parlamentar de Inquérito para investigar possíveis irregularidades em licitações e contratos na Secretaria Municipal de Planejamento e Gestão, nos anos de 2015 a 2017.  O requerimento foi apresentado pelo Vereador Thiago Martins, assinado pelos edis  Carlos Du, Vânia Castro, Joanna Bias Fortes, Edson Rezende e José Antonio Magri. O presidente da Mesa, vereador Amarílio, nomeou os vereadores Milton Roman (presidente), Edson Rezende (vice), José Newton (relator) e Nilton César (secretário), como titulares da CPI da Saúde.  Os nomes foram divulgados na reunião de quinta-feira (30).

O pedido de instauração de uma nova Comissão Parlamentar de Inquérito foi lido na reunião desta quinta-feira. Desta vez, o pedido é que sejam investigadas as obras envolvendo recursos do Ministério das Cidades para a construção do programa Minha Casa Minha Vida no valor de R$19 milhões. O residencial São Francisco, que começou a ser erguido no bairro Nova Cidade, foi abandonado, depredado e teve materiais saqueados. Outro ponto de questionamento é com relação a ampliação do sistema de Esgotamento Sanitário, além da Construção e Reforma de Quadras Esportivas.  Este pedido de abertura de CPI foi apresentado pelo Vereador Glauber Milagres Gava, e teve assinaturas dos vereadores Milton Roman, José Nilton, Professor Nilton e Flávio Maluf. O segundo pedido de CPI será encaminhado à Procuradoria da Câmara para Parecer, no prazo de 48 horas, e estando os pedidos fundamentados nas normas legais, as comissões serão constituídas.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.