Take a fresh look at your lifestyle.

As lágrimas são o sangue da alma

0 146

A amiga Miúcha verteu lágrimas de felicidades ao saber que será vovó do Enrico. Semana passada, Miúcha verteu lágrimas de tristeza pela morte de sua mãe, Martha. Quantos mistérios físicos e psicológicos envolvem essas gotas que se assemelham a de orvalho que inspiram, de chuvas que engravidam a terra, de sangue que salvam vidas, de álcool que embriagam, de fragrância que purificam e de esperança movidos pela fé? De tanto refletir, resolvi analisar minha lágrima num

laboratório. Resultados: alta concentração de felicidade e saudade. Média concentração de dor e tristeza.

 

Afinal Santana, o que é lágrima? A professora Gabriella Porto disse que “as lágrimas são secreções que limpam e lubrificam os olhos, através da lacrimação, que é a produção das lágrimas, e são formadas por água, sais minerais, proteínas e gordura. Situações de fortes emoções, como tristeza ou alegria, prazer, admiração, além de bocejos e irritação também podem causar a lacrimação, ou o choro, propriamente dito”. O amigo/Irmão Sérgio Quirino foi além e disse que: “A ciência proclama que há três estados para a água: sólido, líquido e gasoso. Hoje descobri um quarto estado que tem características dos outros três. É sólido, por ser tátil, tem peso e arestas que arranham e machucam. É liquido por escorrer e passa a sensação que está causando uma grande erosão. É gasoso porque evapora e ocupa rapidamente o ambiente, nos deixando sem ar. Este estado da água chama-se LÁGRIMA”.

 

Santo Agostinho disse que as lágrimas são o sangue da alma. Explico melhor. Assim como o sangue escorre de uma ferida do corpo, as lágrimas escorrem de uma ferida da alma. Às vezes, choramos de tristeza e de felicidade. O nosso corpo quando é ferido por algo material libera o sangue. Nossa alma só pode ser ferida por algo imaterial como as tristezas, frustrações, mágoas, raivas, ódios entre outras.

 

Nessa comparação, o corpo pode morrer se sangrar muito de uma ferida. A alma pode morrer se muitas lágrimas escorreram de uma ferida. Num parto há sangue e muitas lágrimas de felicidade. Lágrima é o extravasar de emoções que rompem o nosso corpo físico. É pelos olhos que elas são liberadas pelo amor materno, emoções dos enamorados e daqueles que partiram deixando saudades. Nem toda lágrima é um encanto. Há aquela que nasce de uma agressão física ou psicológica que arde, queima e deixa marcas danosas. Lágrimas de decepções. Há também, lágrimas dos hipócritas, dissimulados e sedutores que mostram uma emoção falsa que infelizmente, convencem muitos.

 

Santana, o nosso exemplo maior, Jesus Cristo, chorou? A Bíblia registra três ocasiões em que Jesus chorou: quando seu amigo Lázaro morreu; quando Ele olhou para Jerusalém alguns dias antes de ser crucificado; e quando orou ao Pai sentido a angustia da morte iminente.

 

Apesar de Jesus ter chorado por diferentes motivos, suas lágrimas também indicam a condição principal para Ele ter chorado: Jesus chorou por que Ele é verdadeiramente homem. Sim, o choro de Jesus é mais uma prova de sua genuína humanidade.

 

Eu sou um chorão declarado ou um “boca aberta” como minha mãe dizia. Choro copiosamente diante de algumas notícias, filmes, livros, narrações… As lágrimas podem ser de alegria ou tristeza. Esse ato já foi discutido em divãs. Não consigo me modificar. Tristezas e alegrias acontecem a todos os instantes de nossa vida e esses são os fatos geradores da minha condição de Santana chorão.

 

Fontes: Por que Jesus Cristo chorou? (Daniel Conegero)/ Filosofia – As lágrimas são o sangue da alma (Larya Ryah)/ Blogue – Renovando atitudes).

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.