• 23ºC
    Barbacena, MG Previsão completa
  • A pandemia não acabou só porque você não aguenta mais ficar em casa

    Sim, caros leitores. Para muitos a pandemia parece ter acabado, mas a verdade é que para muitas pessoas a Covid-19 não passa de uma “gripezinha”. Há algumas semanas, mais precisamente quando houve uma maior flexibilização das atividades econômicas, especialmente a abertura de bares, algumas pessoas perderam a noção. E não estamos falando aqui que é culpa é dos bares, pois deles dependem o sustento de muitas famílias.

    É comum recebermos reclamações de aglomerações em diversos lugares de Barbacena. A Praça da Medicina tem ficado lotada, assim como o Jardim Municipal, a Praça de Santo Antônio. Enquanto muitos ficam em casa, mesmo de “saco cheio”, uma quantidade significativa de pessoas acredita que a pandemia acabou. “Há algumas semanas todo final de semana (sexta, sábado e domingo) tem baderna nos bares da rua Faculdade de Medicina e nos que ficam próximos a farmácia Araújo. Som alto, gente gritando, chamando palavrão, quebrando garrafa, acelerando carros e motos com o único intuito de fazer barulho, grupos chamando um ao outro para briga e até disputar corrida de carro na rua Coronel José Máximo eles já fizeram. Estão desrespeitando as regras de não aglomeração do enfrentamento da epidemia, desrespeitando a lei do silêncio e causando distúrbio da ordem pública, já que não temos direito de dormir e não temos mais segurança na região. Já enviei reclamação para a Ouvidoria e para Secretaria de Saúde, mas fui ignorada”, contou uma das nossas leitoras.

    A autorização para Barbacena avançar para a Onda Verde do Minas Consciente já foi dada pelo Estado. Esta etapa representa uma maior flexibilização das atividades, incluindo atividades artísticas. Porém, a macrorregião permanece na Onda Amarela, com risco de regressão, em razão do aumento de confirmações e casos suspeitos. As autoridades de saúde são unanimes em dizer que, enquanto a população não se conscientizar, a convivência com a Covid-19 será longa.

    Fotos recebidas pelo WhatsApp BOL (32) 98835-4900.