Notícias


12 de maio de 2017 às 07h46 atualizada em12 de maio de 2017 às 22h13

PM de Barbacena apreende simulacro de fuzil

Suspeito foi atingido por um tiro e não resistiu

Da Redação
PM de Barbacena apreende simulacro de fuzil
A Polícia Militar de Barbacena apreendeu, após denúncia anônima, um simulacro de fuzil , por volta das 22h de quinta-feira (11). O suspeito estava em um posto de combustíveis, em Correia de Almeida (Distrito de Barbacena), supostamente ameaçando pessoas. Com a chegada dos militares, o homem tentou fugir e foi acompanhado pelas viaturas, com apoio da Polícia Rodoviária Federal. O veículo do suspeito foi abordado no km 724 da 040 e, após ameaçar os militares com a arma, acabou alvejado por um tiro. Identificado pela assessoria do Corpo de Bombeiros de Barbacena como Danilo  Inácio da Silva, 35 anos, a vítima não resistiu e morreu.
 
Em nota o Comando da instituição, por parte da Companhia de Barbacena, informou que abriu um procedimento para apurar os fatos. O Cabo servia na Companhia de Bombeiros na cidade de Conselheiro Lafaiete e tinha 13 anos de serviço. O corpo será velado na Capelinha do Carmo a partir das 14h de sexta-feira (12) e o sepultamento às 09h de sábado (13) no Cemitério Parque Repouso da Saudade. 
 
De acordo com as informações preliminares da Polícia Rodoviária Federal, que acompanhou a ocorrências, a arma era um simulacro do fuzil HK-416 de AIRSOFT, vendida livremente pela Internet.
 

ATUALIZAÇÃO - A Assessoria da Décima Terceira Região da Polícia Militar emitiu, por volta das 19h de sexta-feira (12), um release da ocorrência envolvendo o bombeiro Danilo Inácio da Silva. O militar acabou atingido por um disparo de arma de fogo e não resistiu aos ferimentos.

Segundo a PM, por volta das 20h30 de quinta-feira (11), militares do destacamento de Correia de Almeida receberam uma denúncia de que um homem, em um veículo Ford Fiesta, portava um fuzil e estaria abordando os usuários da rodovia, chegando a praticar assalto contra um caminhoneiro, que foi parado. O suspeito, que estava em um Posto de Combustível, tentou empreender fuga ao perceber a aproximação das viaturas da PM. Danilo, que conduzia o veículo, teria parado o veículo, apontando a arma em direção da viatura, que o acompanhava.

Ainda de acordo com o release, com a chegada das equipes de apoio, o autor foi advertido verbalmente sobre o uso ilegal de arma de fogo, sendo então “dada ordens claras e objetivas para que deixasse a arma. Porém, o autor, não acatou a ordem e mais uma vez empreendeu fuga no veículo, seguindo no sentido de Barbacena em alta velocidade, contudo, mudou o trajeto durante a fuga e retornou para Correia de Almeida”.

A Polícia Militar relata ainda que o condutor desembarcou do veículo de arma em punho e ameaçou populares que estavam no local, foi quando os militares fizeram uma nova tentativa de abordagem. Ignorando as ordens para largar a arma, Danilo teria entrado novamente no veículo e novamente fugiu em direção a BR-040.  

O condutor teria atingido uma valeta na pista e novamente desceu do veículo. Os agentes da PM determinaram que ele se deitasse no chão, entretanto, o autor colocou o braço através da janela do veículo, pegou o fuzil e o apontou em direção à equipe como se fosse efetuar disparos contra os policiais que, de imediato, responderam a ameaça com o uso da arma de fogo visando defender a integridade física da guarnição, que o alvejou. O bombeiro foi socorrido pelos militares com vida para o Hospital Regional de Barbacena, onde veio a óbito. Durante a ocorrência, foi feito o levantamento da placa do veículo utilizado pela vítima e constatado que apresentava comunicação de queixa roubo/furto. No interior do veículo que foi apreendido, de acordo com a Polícia Militar, havia bebida alcoólica e crack.

Segundo testemunhas, havia outro homem com Danilo que fugiu por um matagal, mas ele não foi localizado. Em relação a arma, constatou-se ser uma réplica de rifle de Air Soft, modelo HK-416, que também foi apreendida. Os militares envolvidos na ocorrência, conforme procedimento legal, foram presos em flagrante, sendo conduzido para o Quartel do 9º BPM.